O que é geolocalização e que diferença ela faz para seu ecommerce?

Home / Operação / Ferramentas / O que é geolocalização e que diferença ela faz para seu ecommerce?

O que é geolocalização e que diferença ela faz para seu ecommerce?

Atualmente, é importante agregar mais ferramentas para ter um diferencial de mercado em relação à concorrência. Uma delas, a geolocalização, traz diversos benefícios para a relação entre o e-commerce, seus consumidores e fornecedores. No post de hoje, vamos elucidar o que é geolocalização e como essa técnica pode ser utilizada em uma estratégia para negócios virtuais.

O que é geolocalização?

A geolocalização é o ato de descobrir a posição geográfica de aparelhos e, consequentemente, de seus usuários. Para isso, são utilizadas diferentes tecnologias, entre as quais podemos destacar o IP (Internet Protocol), o GPS (Global Positioning System), o wi-fi, sensores, entre outros recursos.

Como o e-commerce pode se beneficiar dessa tecnologia?

A partir a geolocalização, é possível elaborar uma estratégia interessante e tomar decisões mais assertivas. Vamos às possibilidades:

1. Conheça as preferências do consumidor

Hábitos de consumo, lugares onde ele frequenta e o quanto ele costuma gastar são algumas das informações que um e-commerce pode aprender com a geolocalização. Ao se valer dela, é importante atentar-se ao fato de que pessoas que moram próximas têm preferências semelhantes.

Há, também, afinidades sociais e culturais que permitem traçar estratégias baseadas nessas características.

Veja também

Relacionamento com o cliente online: 4 dicas para seu ecommerce

Relacionamento com o Cliente: 4 dicas para seu ecommerce

2. Direcione anúncios e ofertas

Agora que você conhece as preferências do consumidor, é o momento de criar anúncios que atendam às suas necessidades, conteúdos interessantes para ele e ofertas em momentos em que está mais propício a seguir em frente na jornada de compra.

A segmentação é importante, mas não se deve segmentar demais. Há, basicamente, dois tipos: geosegmentação e demográfica. Foque nelas e não terá o risco de usar toda a verba em uma campanha que não trará o retorno esperado.

Veja também

google adwords

5 razões simples para usar os anúncios do Google AdWords

3. Estimule indicações

70% das compras são influenciadas por ações de outros usuários, como indicações nas redes sociais, comentários na descrição de produtos, sites especializados, entre outros. Ocorre que muitos desses estímulos são feitos por pessoas que têm, muitas vezes, os mesmos padrões culturais e de consumo.

É nesse momento que o e-commerce agirá, estimulando os comentários e as avaliações positivas e viabilizando que estas cheguem a outros leads próximos.

4. Facilite os processos de logística

A logística pode ser impactada de diferentes formas com a geolocalização, iniciando com ofertas mais interessantes de frete para determinadas regiões. Também, é possível otimizar rotas, diminuir custos com transporte, agilizar processos como picking, entre outros. Esses são pontos que trazem uma boa experiência para o usuário.

Veja também

entregas da loja virtual

Como fazer as entregas dos produtos da loja virtual

5. Crie novas experiências para seu público

Vamos aprender um pouco com o case da corretora de imóveis Realtor.com. Ela possui um aplicativo em que informações dos clientes são reunidas por meio do GPS. Cruzando dados, a empresa personalizou a busca e disponibilizou imóveis com características que mais se assemelham às preferências do usuário do app.

A ideia é oferecer uma nova experiência de uso, facilitando as ações e agregando valor a sua relação com o consumidor.

6. Explore estratégias como omnichannel

De acordo com o eMarketer, empresa que atua em pesquisa de marketing, os negócios que investem em mobile ads e utilizam geolocalização geram um aumento de 2,5x de visitas nas lojas físicas.

Essa característica permite ir além do relacionamento com o cliente, sobretudo nas soluções oferecidas nos seus múltiplos canais. As ações realizadas entre a união dos dispositivos móveis e o comércio físico podem ser melhor executadas com a geolocalização.

Veja também

Agora que você já conhece o que é geolocalização e como aplicá-la em seu e-commerce, é hora de pesquisar as opções disponíveis (plugins, scripts, etc.) e mensurar dados. Dessa forma, sua estratégia ficará cada vez mais alinhada aos interesses do consumidor e do negócio.

Gostou do que leu? Aproveite e acompanhe, também, outro post e conheça quais fatores considerar em sua estratégia de marketing digital. Acompanhe!

Redação Portal do Ecommerce
Redação Portal do Ecommerce
A Equipe do Portal do Ecommerce é formada por especialistas em estratégias digitais, marketing, vendas e conteúdo.
Recommended Posts

Leave a Comment

Start typing and press Enter to search

embalagens para ecommerceBlack Friday 2017